Alexandre Pecin, o Criador do Maior Portal Masculino da América Latina

Alexandre Pecin, o Criador do Maior Portal Masculino da América Latina

O criador do portal Bella da Semana já fotografou 500 das mais belas modelos brasileiras nuas. E ele garante: “Não são garotas de programa”.
image
Imagine acompanhar ensaios das mais belas mulheres do Brasil, da forma como elas vieram ao mundo, ser dono de um site recheado delas e ainda por cima ganhar dinheiro a fazer isso.

O emprego de sonho, correto? Esta é a vida de Alexandre Peccin. Dono do portal Bella da Semana, o empresário criou o site em 2001 e após 13 anos já fotografou centenas de modelos em lugares paradisíacos.

No entanto, tudo tem um preço e Alexandre prova que até o seu trabalho pode ser penoso.

Alexandre, poderia se apresentar e falar um pouco sobre o Bella da Semana?

Sou gaúcho, descendente de italianos, nascido em Porto Alegre. Minha família é de Gramado e moro em Florianópolis desde 1988. O Bella da Semana começou em Florianópolis, na Net TV a cabo por volta de 1999. Dois anos depois, em 2001, foi para a internet.

Como teve a ideia de começar esse negócio? Por que escolheu essa linha editorial?

Eu era sócio de um programa da Net, e um dia o diretor do canal, que sabia que eu gostava e conhecia muitas modelos, sugeriu que eu fizesse uma rubrica dentro do programa.

Decidi fazer porque dizem que temos que trabalhar com o que a gente gosta! [rs] Como sou italiano, veio o Bella e como o programa era semanal, Bella da Semana.
image
Algumas pessoas afirmam que as modelos são garotas de programa. O que pode dizer sobre isso?

Isso pode ocorrer na cabeça de pessoas maldosas, mas não é verdade. Estamos há 13 anos online, e o objetivo do site é o de entreter as pessoas com fotos profissionais de modelos também profissionais. Temos um cuidado muito grande na hora da seleção de modelos, até para evitar esse tipo de coisa.

Não tenho nada contra as mulheres que optam por trabalhar com isso, não gosto de julgar. Cada um deve fazer o que acha certo. Com o Bella da Semana, nosso objetivo é não misturar as coisas, estar sempre aumentando o nível de qualidade do site, e evitar que as pessoas façam confusão em relação à nossa linha editorial.

Além disto, não temos envolvimento com as modelos, e não acompanhamos a vida delas depois dos ensaios, só temos o cuidado de investigar o histórico da modelo antes de chegar a acordo com ela para sabermos o que ela já fez, que tipos de trabalho. Nunca com o objetivo de julgar, e sim para saber se está de acordo com o padrão do Bella.

O Bella é um site muito famoso no Brasil. Ao que acha isso se deve?

O Bella é líder do segmento no Brasil e o maior site do género da América Latina, além de estar entre os maiores e mais respeitados da categoria no mundo. É também o único site brasileiro que se internacionalizou e tem versões noutros países.

No caso do Bella, temos sites publicados em português, espanhol e russo, e sites para os públicos dos Estados Unidos, da Inglaterra, do México e da Rússia. Esta expansão deve-se ao cuidado extremo que temos em relação à qualidade e também a um padrão de beleza universal que conseguimos desenvolver, muito bem aceite na grande maioria dos países, e que revelam também a minha visão de beleza feminina.

Todo mundo acha que o seu trabalho é o melhor do mundo! Fotografar mulheres nuas, sempre em lugares bonitos. Quais as dificuldades em gerir uma publicação como esta?

Sim, realmente é um trabalho bem privilegiado, mas também é suado. Trabalho 24h por dia, 7 dias por semana, 365 dias por ano. É prazeroso, mas definitivamente não é fácil. É preciso suar a camiseta! Um ensaio leva em média um mês para ficar pronto desde a sua concepção até a finalização.

O ensaio começa com a pré-produção que é a criação do conceito do ensaio, depois vem a produção que é a realização do ensaio e depois a pós-produção que é a seleção, edição e retoques do material.

Num ensaio a equipa varia de 8 até 15 profissionais trabalhando em volta da modelo, e organizar isto tudo não é fácil, mas o resultado…

Como analisa o mercado do Bella? Até onde acha que o site pode chegar?

É um mercado bem complicado, ainda mais com toda a pirataria, casos de plágio, fotos roubadas. A internet é um terreno sem lei, e fazer com que o negócio cresça, apesar de todas as desavenças, é tarefa das grandes. Fico feliz quando percebo que o Bella está indo rumo a se consolidar como o maior e mais respeitado portal da categoria no mundo.

Existem alguns empecilhos em relação à divulgação do conteúdo adulto em sites e redes sociais, até mesmo na criação de aplicativos para smartphones. Como analisa essa questão?

Há, sim, uma grande dificuldade em divulgar e investir em aplicativos e em negócios de empresas americanas, como Facebook, Apple e Google. Eles não aceitam nada que possa ter mulheres, modelos, temas sensuais. Nem fotos de biquíni eles costumam aceitar. Se for de lingerie, então, eles entram em pânico!
Isso é muito engraçado, pois os Estados Unidos sempre falam em liberdade de expressão, que é garantida inclusive pela 1º emenda.

Tem um cuidado muito grande em relação ao conteúdo que é exposto no seu site. Como é feita a seleção das modelos?

Diariamente recebemos em torno de 5 modelos que pedem para ser fotografadas para o Bella. A seleção é simples, por fotografias ou indicações. Depois tentamos conhecer um pouco mais sobre a vida dela antes de fechar.

Quantas modelos já fotografou?

Já fotografamos mais de 500 modelos.

Quais são os próximos passos do Bella?

O Bella começou mostrando somente a sensualidade das modelos. Uns 5 anos depois começamos a mostrar seios e bumbum. Agora, desde o ano passado, começamos a mostrar um pouco mais de nu total, mas de uma forma bem discreta, sempre seguindo o nosso padrão de fotografar.

O Alexandre é casado? Como a sua esposa lida com a sua profissão?

Sou solteiro, mas namoro há muitos anos. Ela encara da forma mais natural possível, não temos problemas quanto a isso. Ela, inclusive, já fotografou para o Bella duas vezes.

Related posts

A Playboy Russia Ganha Adeptos no Mundial 2018

A Playboy Russia Ganha Adeptos no Mundial 2018

A Playboy Russia realizou um projeto especial antes do grande campeonato da FIFA, apresentando sua própria equipa feminina. Belezas seminuas posam no estádio Open Arena do Spartak, tanto no campo quanto na área de fãs, exibindo suas curvas quase escondidas sob uniformes de futebol...

A Australiana Iggy Azalea Arrasa no Insta

A Australiana Iggy Azalea Arrasa no Insta

No vídeo Iggy aparece com uma pequena tanga mas parece estar nua

A Poligamia da Miss Bumbum Rangel Carlos

A Poligamia da Miss Bumbum Rangel Carlos

Miss Bumbum e capa da Sexy, Rangel Carlos fala de poligamia: "Censuram o amor" A representante de Santa Catarina no concurso é adepta ao poliamor e, em lançamento de revista, foi vista aos beijos com com Miss Bumbum Acre     Polêmica, adepta...

Fotógrafo Alexander Bazilev Lança Nova Bomba Russa em Vídeo

Fotógrafo Alexander Bazilev Lança Nova Bomba Russa em Vídeo

Kate Homesession | 2017 from alexbazilev_ph on Vimeo.

Ninguém Pára Luciane Hoepers: de Miss Bumbum a ‘Musa’ do Lava Jato; de Cadastrada a Capa de Revista

Ninguém Pára Luciane Hoepers: de Miss Bumbum a 'Musa' do Lava Jato; de Cadastrada a Capa de Revista

Depois de carimbar capas de grandes publicações e de embaralhar a situação política do país, a 'Musa Lava Jato' chega às páginas da revista Sexy. De que forma? A modelo e Miss Bumbum de Santa Catarina, Luciana Hoepers, presa pela Polícia Federal na operação Miquéias, será capa da revista...

Veja o Vídeo de Katherine Martinez, Modelo Colombiana, Alegadamente Obrigada a Despir-se e a Dançar para Polícias e Presidiários

Veja o Vídeo de Katherine Martinez, Modelo Colombiana, Alegadamente Obrigada a Despir-se e a Dançar para Polícias e Presidiários

Katherine Martinez, modelo colombiana e fisioterapeuta de 27 anos, fã do clube America de Cali, e conhecida como "diabita vermelha", foi detida por se envolver numa luta com outra mulher e algemada a uma janela. “Alegadamente” terá-lhe sido dito que só lhe dariam uma cadeira se se despisse e...

Leave a comment